_ _ _ _

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

0 Caso Yana Moura: MPPE apresenta denúncia contra PM que confessou assassinato

+A +/- -A
O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) apresentou nesta quarta-feira (16) denúncia contra o capitão da Polícia Militar Dário Ângelo Lucas da Silva, de 39 anos, que confessou o assassinato da esposa, Yana Luíza Moura de Andrade, 28. Ele está detido no Centro de Reeducação da Polícia Militar (Creed), em Paratibe, Paulista, na Região Metropolitana. O promotor de Justiça Antônio Augusto de Arroxelas Macedo Filho, responsável pela denúncia, enquadrou o caso como homicídio qualificado por motivo fútil.
 
De acordo com o representante do MPPE, o qual recebeu o inquérito policial na segunda-feira (14), os termos da sua denúncia são bem semelhantes ao do indiciamento. Além de motivo fútil, o promotor acrescentou a questão surpresa, uma vez que, conforme relato dado pelo policial, os tiros foram realizados por impulso e sem que a vítima esperasse. Ainda na denúncia, alguns detalhes de possível violência doméstica também foram apontados. O promotor de Justiça informou que há nos autos o pedido de relaxamento da prisão em flagrante protocolado pelos advogados do militar. Entretanto, como foi decretada a prisão preventiva dele, “não há como discutir esse pedido”.

O crime ocorreu na madrugada do dia 2 de janeiro no apartamento da mãe do capitão, no bairro do Janga, em Paulista. O PM, que era comandante do policiamento em Exu, no Sertão, atirou duas vezes na esposa atingindo-a na cabeça. Logo após o assassinato, ele se apresentou na Delegacia de Plantão de Olinda e confessou o crime. (Bruno Moraes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...