_ _ _ _

domingo, 27 de janeiro de 2013

0 Saiba quando o carro 1.0 vale a pena

+A +/- -A
Tradicionalmente conhecidos pelo baixo preço e melhores índices de consumo nas bombas de combustível, os veículos 1.0 nem sempre são sinônimo de economia. Eles, que ganharam um empurrãozinho e tanto do governo federal no ano passado, com a isenção do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), só poupam os reais desejados por seu  dono se uma série de fatores forem levados em conta. Para escolher o modelo ideal sem prejuízos, é necessário que os consumidores estejam atentos equipamentos, perfil de uso e o número médio de ocupantes, por exemplo.

Segundo os especialistas ouvidos pelo Diário, em primeiro lugar, para que a relação custo-benefício seja positiva, os motoristas devem prestar atenção num item importante: a carroceria. “A grande maioria dos compradores só pensa na economia oferecida pela potência do motor, mas não leva em consideração o peso da carroceria”, afirma o diretor da consultoria em vendas de veículos Personal Car PE, Felipe Procópio. Uma carroceria inadequada impacta diretamente no consumo de combustível e no desgaste prematuro de peças importantes – e caras –, como a caixa de embreagem e o próprio motor.

O modelo ideal de carroceria para veículos 1.0, segundo Felipe, é a do tipo hatch. Além de serem menores, são mais leves e não forçam tanto o motor. “Mas nem todas são econômicas. Algumas são mais pesadas que outras, e é preciso ter cuidado”, alerta. Depois de escolher o tipo de carroceria ideal, o comprador ainda precisa ter em mente a quantidade de pessoas que utilizarão o carro e a finalidade do veículo. Para uma família com cinco pessoas, que sempre viaja, por exemplo, é recomendado veículos com motorização a partir de 1.4. “Carros assim possuem uma diferença de preço pequena em relação aos motores de entrada, e atendem perfeitamente à necessidade das famílias”, comenta o gerente comercial da JBS Veículos, Daniel Lima.

Quando o 1.0 vale a pena...

- Quando vem equipado com carroceria hatch      
- Para casais recém-casados, ou, no máximo, com um filho
- Para jovens que ganharam seu primeiro automóvel
- Para uso estritamente urbano
- Para os que evitam andar com a capacidade máxima (5 ocupantes) e com muitos objetos na mala

Quando o 1.0 não vale a pena...


- Quando vem equipado com carroceria sedan
- Para famílias numerosas (com dois filhos ou mais)
- Para quem viaja constantemente
- Quando vem equipado com direção hidráulica e ar-condicionado

1.0 mais baratos (por montadora)

FORD: Ford Ka (a partir de R$ 21.800)
FIAT: Mille Economy (a partir de R$ 21.990)
RENAULT: Clio Authentique (a partir de R$ 24.150)
VOLKSWAGEN: Gol G4 (a partir de R$ 25.100)
CHEVROLET: Celta (a partir de R$ 25.270)

1.4 mais baratos

FIAT: Novo Uno Economy (a partir de R$ 28.010)
CHEVROLET: Onix LT (a partir de R$ 36.190)
(obs: demais montadoras não trabalham com motorização 1.4) (DP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...